Partiu


Partiu sem nos deixar

era jovem, muito jovem, 10 anos contava

“os filhos enterram os pais”, desta lógica não se governa a natureza

ficamos com uma lágrima indecisa

se o encontramos na memória

que miséria não podermos sacar essa memória

esses brevíssimos/únicos momentos

pará-los

e ficar ali, a saborear o que de bom se tem e não se sabia

até que se esgotou, de repente, demasiado depressa.

Era um rapaz sensível, exímio no desenho, alegre,

com pais grandes.

Não te posso, nem vou, dizer adeus porque ficaste comigo.

Terei a coragem de estar contigo amanhã,

quando o teu coração está parado

levar-te-ei aonde for preciso,

terei essa coragem por ti.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s